Arbitragem

130ª Questão: Ajuste de peças no tabuleiro

02/04/2013 - 19:40

Pergunta: No Clube que frequento há um jogador preciosista que tem a desagradável mania de arrumar peças justamente na vez de jogar do adversário. Além disso o 'cabra' gosta de centralizar milimetricamente as peças sempre na vez do adversário. Costuma também retirar ciscos do tabuleiro não importando de quem seja a vez de jogar. Deve o árbitro intervir e aplicar penalidade nesse tipo de 'chato de carteirinha'?

Resposta: O jogador - com a vez de jogar - pode ajustar peões ou peças se antes alertar o adversário de que está somente arrumando peças e não tocando nelas com a intenção manifesta de fazer um lance. Isto é o que diz o artigo 4.2 da lei atualmente em vigor. Não há um comando na presente lei que respalde uma intervenção do árbitro se assistir um jogador arrumando peças.
Mas, na nova lei que entra em vigor a partir de 1º de julho, há na alínea d do artigo 6.2 um outro dispositivo que reforça o disposto no artigo 4.2 e que apoiaria uma intervenção do árbitro, quando diz textualmente que somente pode ajustar peças o jogador cujo relógio estiver em andamento.
Portanto, deve se acautelar o 'careta' perturbador que tem o estranho cacoete de 'adubar' peças durante o tempo de reflexão do adversário bem como aquele que gosta de fazer faxina no tabuleiro, às vezes, para retirar ciscos invisíveis ao olho nu dos demais participantes do evento. Isto porque poderá o árbitro a partir de 1º de julho intervir e aplicar penalidade entre as quais não se descartaria exigir-se do 'preciosista' o pagamento de uma multa pecuniária, que esteja previamente estabelecida no regulamento técnico do torneio.
Abaixo, há o elenco de dispositivos da nova lei que tratam da questão:
art. 4.2 Desde que antes manifeste sua intenção (por exemplo, dizendo eu arrumo "j’adoube" ou "I adjust"), somente o jogador que tem a vez de jogar pode arrumar uma ou mais peças em suas casas.
art. 6.2d Somente pode ajustar peças o jogador cujo relógio estiver em andamento.
art. 13.9 Opções disponíveis ao árbitro a respeito de penalidades
a) advertência,
b) aumentar o tempo remanescente do oponente,
c) reduzir o tempo remanescente do jogador infrator,
d) uma multa previamente estipulada,
e) declarar a perda da partida pelo infrator (o árbitro deverá também decidir o escore do oponente),
f) aumentar os pontos ganhos na partida pelo oponente até o máximo possível para aquela partida,
g) reduzir os pontos ganhos na partida pelo jogador infrator,
h) expulsão do evento somente pode ser considerada em conjunto com o organizador.